Os grandes problemas de não ter clareza

Na semana passada falei sobre como descobrir a falta de clareza de objetivos e como isso pode nos prejudicar em vários âmbitos. Desde o campo profissional – ao não saber nossos próximos passos, de cargo/salário e empresa -, à qualidade de vida, por não sabermos o que gostamos de fazer nas nossas horas livres.

Mas você já parou para pensar quais são os maiores problemas por não ter clareza?

De acordo com o site de carreiras Comparably, a maior fonte de stress no trabalho não é o um chefe ruim (16%), ou a quantidade de horas passadas no trabalho (13%) e sim a falta de objetivos claros (41%).

Além do stress, pessoas com falta de clareza (pelo menos as que começam o trabalho comigo) apresentam também um sentimento de angústia, por sentirem que estão “paradas”, estagnadas, vivendo em modo automático.

A falta de clareza também pode fazer a gente se especializar em algo que não gosta. Por exemplo: Hoje você trabalha com uma função que não é bem a que você gostaria, mas é a que “tem pra hoje”, e por achar que não existem opções ou por não querer arriscar, acaba ficando em um lugar que não é o que te faz sentir realizada.

Se você soubesse realmente o que gostaria de fazer, buscaria desenvolver novas competências para encontrar novas oportunidades.

Outra coisa desafiadora é ter clareza de quem somos. O que é bem diferente do que fazemos.

Em algumas sessões percebo o quão desafiador é para o cliente me responder quais são suas qualidades, seus pontos fortes… arrisco a dizer que 70% tem bastante dificuldades em responder com tranquilidade estes questionamentos.

Se não soubermos quem somos e o tamanho do nosso potencial para alcançarmos sonhos, metas, planos e objetivos, não agimos com confiança. E muitas vezes nem nos arriscamos, porque podemos desenvolver em nossa mente limites que nem existem. Tudo isso por não ter clareza no que somos capazes.

A vida não é linear. Ter clareza não significa que não vamos ter problemas na trajetória ou na vida, mas sim, que sabemos o que queremos e o que devemos fazer para alcançarmos nossos objetivos.

Saber quem somos e o que queremos é meio caminho andado para uma nova vida, um novo ano, um novo mindset. E o processo de desenvolver a clareza é bem interessante e libertador. Nas próximas semanas, vou aprofundar ainda mais nesta temática.

Resumindo, a falta de clareza pode te:

  • Estressar;
  • Angustiar;
  • Dar a sensação de vida estagnada;
  • Fazer se especializar em alguma coisa que você não gosta;
  • Afastar de quem você verdadeiramente é;
  • Cegar do tamanho do seu potencial;
  • Fazer não ter confiança para agir e arriscar;
  • Criar crenças limitantes.

Quanto temos direção e clareza do que queremos, conseguimos traçar as metas e ações certas para alcançarmos o que desejamos.

E como eu falei no começo, isso vale até para nossa vida pessoal. Escuto muito as pessoas falando que querem mais tempo para elas, e quando eu pergunto o que elas querem fazer neste tempo, elas travam. O tempo elas já tem, o que falta é a clareza de como usá-lo.

Com o fim do ano chegando, está na hora de revisar como foi o nosso 2018 para nos preparamos para 2019.

Neste mês de novembro, vou dar dicas para que o seu 2019 seja o melhor ano da sua vida!

Este post tem 3 comentários

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.