Multitarefas! Não cometa mais esse erro de produtividade.

Quem nunca bateu no peito e disse com a boca cheia que consegue fazer muitas coisas ao mesmo tempo, que atire a primeira pedra!

bobesponja.gif

Para falarmos sobre multitarefas, temos que entender primeiro qual é o impacto que isso tem na nossa qualidade de vida, na relação com o hábito da procrastinação e como uma mudança de hábitos pode nos trazer alívio.

IMPACTO NA NOSSA QUALIDADE DE VIDA

Às vezes pensamos que fazer várias coisas ao mesmo tempo é a maneira mais rápida de terminar tudo e ficarmos tranquilos. Certo? Peeeh… errado! Rs…

Quer fazer um teste?

Pegue um cronômetro (serve o do celular), um papel e uma caneta e faça o seguinte exercício:

Inicie o cronômetro e escreva a sequência – POR LINHA, até completar de A à J, 1 a 10 e I a X:

Ex: (Letra), (o número), (algarismo romano)

A             1            I

B              2           II

C             3            III                                          

.              .              .

.              .              .

.              .              .

J              10           X

 

Pare o cronômetro e anote o seu tempo.

Agora inicie o cronômetro outra vez e escreva esta mesma sequência – POR COLUNA, primeiro a coluna das letras, depois dos números e depois dos algarismos romanos. Ao final, anote e tempo e comprove qual dos 2 você levou menos tempo*.

A atividade que você teve que pensar 3 coisas de uma vez ou a que foi pensada um item por vez.

Fazendo várias coisas ao mesmo tempo, perdemos em qualidade de vida (podemos ficar doidos com tantas coisas para fazer), efetividade (aumentamos a probabilidade de erros), e produtividade (gastamos em média 50% mais de tempo quando fazemos mais de uma coisa ao mesmo tempo).

Ou seja!

Perdemos o foco com mais facilidade e por consequência não usamos bem nosso tempo.

MULTITAREFAS X PROCRASTINAÇÃO

Como já vimos neste artigo, a procrastinação é o ato de empurrar com a barriga algo que não queremos fazer, ou que é muito difícil e não sabemos nem por onde começar. Mas ser multitarefas é tão prejudicial quanto procrastinar.

E curiosamente são impulsos contrários. Fazer muitas coisas ao mesmo tempo, ler mais de um livro, conversar com alguém pessoalmente e ficar mexendo no celular não trazem benefícios algum. E por isso, é necessário fazer uma mudança de hábitos.

MUDANDO O HÁBITO DO MULTITAREFAS

O primeiro passo é provar para você que abraçar o mundo com as pernas não vai te ajudar e sim te atrapalhar. Agora é uma questão de mudança de hábitos mesmo. Se policiar, se manter presente para cada tarefa feita.

Hoje em dia eu sempre falo que “só consigo fazer uma coisa de cada vez”, sabe por quê? Porque fiz uma escolha! Prefiro ser boa no que faço, do que ser mediana ou até mesmo fazer coisas malfeitas por não prestar atenção.

Agora, se você faz parte dos 2% da população mundial que são efetivos sendo multitarefas, parabéns!

Se você não faz parte deste grupo (se ficou na dúvida, é só fazer o exercício do início), respeite seu ritmo e respire. É melhor ter mais qualidade de vida – tanto pessoal quanto profissional, do que ficar batendo na tecla de fazer tudo ao mesmo tempo e ficar sem energia, não é mesmo?

*Só de curiosidade, demorei 48 segundos para fazer a primeira parte do exercício e 22 segundos focando em uma coisa de cada vez.

Autor: Nat Gaia

Ariana, mãe do Monet um Schnauzer que adora comer caderno, fascinada por organização, principalmente do tempo - porque assim consegue colocar muita coisa em ação - e planejadora de vidas.

3 pensamentos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s